• boajovem

O grito do seu interior

Atualizado: 2 de jan. de 2019


“E depois, foram para Jericó. E, saindo ele de Jericó com seus discípulos e uma grande multidão, Bartimeu, o cego, filho de Timeu, estava assentado junto do caminho, mendigando. E, ouvindo que era Jesus de Nazaré, começou a clamar, e a dizer: Jesus, filho de Davi, tem misericórdia de mim. E muitos o repreendiam, para que se calasse; mas ele clamava cada vez mais: Filho de Davi! tem misericórdia de mim.”

Marcos 10:46-48


Você já se perguntou o porquê de, às vezes, ser tão difícil superar? Em grande parte dos casos, a resposta se limita a um simples “não avançamos porque aceitamos viver do mínimo”. Mas não é correto agir assim. Nós não fomos criados para viver de baixas expectativas e pensamentos pequenos. Por isso, agora é a hora de mudar, sair da inércia e vencer diariamente o desafio de superar os nossos limites. É hora de rugir o grito do nosso interior que clama por superação e vitória.


Outros casos acontecem porque é “delicado” lidar com superação. Exige maturidade para conversar sobre os problemas e coloca-los na mesa. Porém, Deus nos convida a vivermos uma vida de reforma e isso demanda, inclusive, mexer nos problemas para muda-los e solucioná-los. E, principalmente, envolve escolher ter uma postura de alguém que quer superar. Só supera quem está preparado, quem colocou essa decisão no coração, quem não se deixar frear ou desistir com facilidade.


Há também quem acredite que não tem o que superar. Se esse é o seu caso, aproveite a oportunidade para se encher ainda mais de Deus e, assim, estar forte e firme o suficiente para superar qualquer adversidade futura.


Bartimeu superou a multidão e as repressões. Ele optou por resistir, insistir e clamar mais alto. Porque ele queria a cura de Jesus. Dessa forma, ele se tornou um divulgador das boas novas e da glória do filho de Deus. Pois, só divulga as boas novas quem vive as boas novas.



Saiba que os planos de Deus são muito maiores do que os que temos para nós mesmos. Ele nos trouxe ao mundo para termos altas perspectivas. Não para aceitarmos migalhas, mas sim para vivermos as riquezas e tesouros que Cristo tem a nos oferecer. Independente de como você é por fora, é preciso que você queime por Jesus por dentro. Como Bartimeu, que era limitado pela cegueira fisicamente, entretanto, espiritualmente, era muito vivo e ativo. Graças a sua intimidade com Deus, ele soube que Jesus estava ali mesmo sem ninguém avisar. Então, clamou e clamou. E, por sua persistência, o próprio Espírito de Deus se revelou a ele.


Você conhece Deus por que ele se revelou ao seu coração ou pelo que as pessoas dizem? Se Ele se revelou para você, é impossível que seu coração não queime pelo Senhor. Para quem Deus se revela, as coisas mudam completamente e verdadeiramente. A exemplo de Paulo e Zaqueu. Felizmente, nós já temos a maior munição que precisamos: a palavra. Então, nosso trabalho agora se concentra em orar e pedir a Cristo para revelar as verdades e os planos que Ele tem para nós. Porque Ele sabe de toda a realidade e toda a nossa necessidade, mas precisamos fazer a nossa parte de pedir, gritar e nos esforçar ao máximo para recebermos mais d’Ele todos os dias. Para que Ele veja nosso clamor.


É preciso amar, buscar e querer a Deus. Devemos parar de ser injustos e querer que só Ele faça por nós. Principalmente porque é tão fácil amar Jesus!! Então, não podemos deixar o fogo d’Ele parar de arder em nosso coração, pois, só assim estaremos vivendo as boas novas e preparados para leva-las aos que precisam.



A gente se confunde e acha que o céu está muito distante. Mas a verdade é que podemos viver ele aqui. Porque tudo que precisamos é a presença do Senhor. E um dia na presença d’Ele é mais intenso do que mil dias em qualquer outro lugar. Você é templo e morada de Deus, então escolha viver o reino dele desde já aqui na terra.


O quanto você ama? O quando você quer? O quanto você grita por Ele hoje? O quando você grita por mudança? Seu momento com Deus precisa ser o mais forte possível. Lembre-se que a fé é a sua base e ela só cresce através do esforço, insistência e persistência para ouvir e aprender cada vez mais, e principalmente, para ser notado e sempre lembrado por Deus.


“E Jesus, parando, disse que o chamassem; e chamaram o cego, dizendo-lhe: Tem bom ânimo; levanta-te, que ele te chama. E ele, lançando de si a sua capa, levantou-se, e foi ter com Jesus. E Jesus, falando, disse-lhe: Que queres que te faça? E o cego lhe disse: Mestre, que eu tenha vista. E Jesus lhe disse: Vai, a tua fé te salvou. E logo viu, e seguiu a Jesus pelo caminho.”

Marcos 10:49-52


Arthur Teixeira

Boa Jovem/24.11.2018


(Texto: Tainá Rodrigues | Fotos: Vinícius Castro)

77 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon